Filmes: Família em foco | Só Para Meninas | blog feminino por Rafaelli Antes
Cinema e Televisão

Filmes: Família em foco

Hoje vou indicar pra vocês três filmes que tem como tema principal relações familiares turbulentas. Os três são do gênero drama e eu assisti nas últimas semanas na sky. Não tenho muito costume de ir ao cinema, e já faz tempo que não alugo filmes, o que mais faço é assistir na tv ou assistir online.
Eu sempre perco um tempinho a noite pra ver o que vai passar durante a semana, que daí eu coloco vários pra gravar (mas sempre tem alguém que cancela metade das minhas gravações #fail) pra assistir depois.
Uma coisa que eu nunca deixo de fazer antes de assistir um filme é ler a sinopse. Eu posso até não assistir ao tailer, mas nunca deixo de ler a sinopse. É lá que você fica sabendo o gênero do filme, os atores participantes, o ano do filme e um resuminho da história.

Pelo que li da sinopse, esses três filmes me agradaram, então resolvi assistir:

Sobrou pra você

The next best thing, traduzido para o português como sobrou pra você começa como uma comédia romântica e vai tomando o formato de drama no decorrer do filme. É estrelado por Madonna (que faz a protagonista Abbie) e Ruppert Evans (o amigo gay de Abbie, Robert). Os dois são tipo BFFs e compartilham tudo da vida um do outro.
Quando Abbie termina um relacionamento e fica arrasada, os dois tem uma noite de bebedeira e acabam dormindo juntos. É aí que Abbie engravida do seu melhor amigo gay.
Ao ler a sinopse, imaginei que esse seria o grande ponto dramático do filme, mas ao contrário do que pensei, os dois resolvem criar o filho como uma família normal, até que Abbie encontra um novo amor.
Fiquei encantada pelo filme e comprei totalmente o lado de Robert no filme todo. Vocês precisam assistir pra entender :) A pesar de muita gente ter criticado a atuação de Madonna, eu achei super ok, não me fez gostar menos do filme o fato de ser ela a protagonista.

A pequena casa

The lille house ou A pequena casa é na verdade uma minissérie dividida em dois episódios, que conta a história de um casal que vai morar ao lado da casa dos pais do marido. Ele é Patrick, ela Ruth.
Ruth teve alguns problemas familiares na infância e por isso sofre de depressão. Enquanto isso, Patrick é muito amado pelos seus pais e pela sua mãe, que se mostra controladora e até obcecada pelo filho. Tudo fica ainda pior quando Ruth engravida e sua sogra começa a ter uma estranha obsessão pelo bebê. Ruth precisará controlar sua saúde mental, cuidar  do bebê e o mais difícil… aguentar a sogra.

O filme é bom, não é maravilhoso. Quem não gosta de pequenas produções é melhor passar longe, mas pra quem gosta de analisar o lado psicológico dos personagens esse filme acrescenta bastante, tanto quanto à Ruth e sua depressão pós parto quanto a sua sogra e do sogro que se omite o filme todo.

Em qualquer outro lugar

Com Natalie Portman interpretando Ann, filha de Adele, interpretada por Susan Sarandon, o filme conta a história de uma mãe e uma filha que aparentemente são muito diferentes. A mãe é extravagante, tem uma queda a viver de aparências, enquanto sua filha é tímida e bem mais sensata do que ela. As duas mudam de cidade e sozinhas tem que aprender a conviver com as diferenças e as dificuldades da adaptação a nova cidade, nova escola, novo emprego da mãe e também a falta dele.
Para o gênero drama, achei o filme leve. Não é uma história completamente envolvente, mas tem um final fofo.

São todos filmes antigos, mas como falei ali em cima, vejo mais filme em casa do que vou ao cinema. Mesmo assim acho válido postar aqui e acredito que algumas leitoras são assim como eu ^^
Quem já assistiu, me conta o que achou.
Se quiserem me indicar filmes, estou aberta, viu? AMO assistir :)

6 Comentários

  • luallessi

    Eu adoro os filmes do Ruppert Evans …Pelo menos tem uns quatro que eu curti muito; engraçado e sensível o moço…

    Falando no tema do seu post: Vc já assistiu ‘Minha Mãe É Uma Sereia’? é um filme bem antigo, com a Cher e Winona Ryder.
    No adoro cinema está como ‘comédia’, mas não deixa de ter seus dramas.
    Vi há muuuuuuuuuuuuuuito tempo, mas lembro que foi um filme que gostei muito

    ‘http://www.adorocinema.com/filmes/filme-30672/

  • andre demore

    nao consegui assistri a todo o filme a pequena casa. portanto, nao sei se a depressao pos parto foi real ou inveção da sogra. por favor, me diga de ela realmente era doente ou a sogre que fez tudo maquinado. terminei de assistir quando a sogra cai da escada. tive que voltar ao trabalho…nao consegui assistir ao resto. me diga, por favor.

    • Rafaelli Antes

      Ah, essa revelação é a melhor parte…

      *quem não assistiu o filme, pare de ler aqui*
      SPOILER DETECTED.

      No fim ela teve uma depressãozinha, sim, mas os sintomas como ela ver a mãe na beira da estrada, a queimadura de cigarro no neném e os remédios perto dele foram todos invenções da sogra!
      Ela pesquisou sintomas da depressão pós parto pra usar contra a nora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *