20 abr 15

Selagem térmica em cabelo cacheado

Beleza

Muitas pessoas que legam meu post sobre selagem térmica capilar me perguntaram sobre o efeito no cabelo cacheado, então decidi aproveitar que a minha amiga Paulinha ia fazer selagem pela segunda vez no cabelo dela pra contar aqui a experiência de um outro ponto de vista, mostrando algumas fotos e falando sobre o resultado obtido.

Pra começar, a Paulinha não queria fazer a selagem para alisar o cabelo (já que ela não alisa cabelo cacheado), e sim pra diminuir um pouco o volume e o frizz.

Selante utilizado e efeito esperado:

O selante utilizado foi o da Forever Liss e o procedimento foi feito no salão. Segundo a marca, o selante térmico confere aos cabelos um efeito liso e disciplinado, controla o volume dos cabelos reduzindo o frizz e devolve a hidratação perdida nos processos químicos.

Procedimento:

– Lavar os cabelos com um shampoo de limpeza profunda e enxaguar
– São divididas mechas de cabelos de aproximadamente 2 cm
– O selante é aplicado mecha a mecha
– Deixar o produto reagir por 30 minutos
– Enxaguar o cabelo
– Fazer escova e chapinha nos cabelos, mecha a mecha

Cabelo antes e depois da selagem térmica:

selagem térmica em cabelo cacheado

Na primeira foto o cabelo estava natural, sem escova ou qualquer modelador ou produto químico. A segunda foto foi logo após o procedimento, nela o cabelo aparece escovado e chapado. Logo de cara, o que ela notou foi que o cabelo ficou bem mais brilhante.

selagem térmica em cabelo cacheado

Depois de lavado e ainda molhado, já dá pra notar que o cabelo ficou mais pesado e menos volumoso. Na segunda foto, o cabelo já está seco. Além de estar bem mais brilhante, o cabelo ficou com menos volume depois da selagem térmica e com menos frizz. Os cachos também deram uma “esticada”, deixando-o com o efeito mais ondulado. Ela também notou que o cabelo está mais macio.
Nessa primeira lavagem ela tirou todo o condicionador pra ver bem o efeito do produto.

O resultado da selagem dura em média dois meses, diminuindo a cada lavagem. Quando eu fiz no meu cabelo eu fiquei bem satisfeita com o resultado, mas infelizmente não sei que marca foi usada no meu.

Espero que tenham gostado do post e que tenha esclarecido suas dúvidas! :)

 

loading...
22 nov 14

Blindagem capilar: a minha experiência

Beleza
Há quase mês fiz uma blindagem capilar porque gosto muito da praticidade do meu cabelo liso, principalmente no verão. Minha intenção era fazer novamente a escova gradativa, porque eu gosto bastante do efeito, mas como ela amarela bastante o cabelo minha cabeleireira me indicou a escova de blindagem da WGW, que é matizante.
Juntei o útil ao agradável, porque queria deixar meu cabelo mais liso nesse final de ano e já aproveitei pra matizar, porque ele já estava ficando bem amarelado.
blindagem capilar: a minha experiência
São 3 passos:
  1. Shampoo antiresíduo – limpa profundamente os fios, retirando o acúmulo de produtos e a oleosidade. Deixa o fio limpinho pra blindagem propriamente dita. Nessa hora o cabelo resseca bastante e fica super embaraçado.
  2. Escova de blindagem – Depois da lavagem é hora de aplicar o produto. Esse que eu usei é matizante, então era bem roxo. A aplicação é feita mecha a mecha e logo depois de aplicar o cabelo é secado com secador (e sem tirar o produto do cabelo, claro!) e depois é passada a chapinha.
    Não arde o olho e não tem cheiro forte.
  3. Máscara finalizadora – essa eu usei quando lavei pela primeira vez. A indicação da cabeleireira foi que eu lavasse o cabelo apenas com ela (sem passar shampoo e nem condicionador). O cabelo fica bem oleoso após essa lavagem.
    Depois dessa primeira lavagem voltei a usar meu shampoo e condicionador de sempre.
Outros pontos importantes:
  • Matizante? Sim! Essa blindagem capilar realmente matiza os cabelos. Notei bastante diferença, e como ela já foi feita pra ficar bastante tempo no cabelo, não chegou nem perto de chumbar.
  • Sobre o volume: Ela tira o volume do cabelo, e se o seu cabelo tender para o liso como o meu, vai ficar bem escorrido. Cabelos cacheados e crespos apenas perdem volume.
  • Lavagem: depois de passar a chapinha você pode lavar o cabelo quando quiser, mas o efeito vai se perdendo cada vez que você lavar.
  • Duração: depende do seu cabelo e do quanto você lava, além dos produtos que usa. Em mim acredito que ela durará 2 ou 3 meses.
  • Danifica os cabelos? A pesar de deixar o cabelo mais liso e oleoso, a blindagem capilar estraga o cabelo. Não muito, mas você só percebe o estrago quando o efeito passa, então é importante não relaxar e sempre cuidar dos fios.
E como uma imagem vale mais que mil palavras, veja o antes e depois do meu cabelo:
blindagem capilar: a minha experiência
ANTES: cabelo amarelado e volumoso.
blindagem capilar: a minha experiência
DEPOIS: cabelo matizado e sem volume.
Essa foto do depois foi tirada após a terceira lavagem. Já lavei mais vezes depois disso e ele continua mantendo o efeito. Nesse dia eu tinha lavado com shampoo e condicionador normal, mas se eu uso algo mais hidratante como uma máscara o cabelo fica ainda mais liso.
Gostei muito do resultado, tanto do alisamento quanto da matização e recomendo essa blindagem capilar pra quem tem o cabelo como o meu e quer a combinação desses dois efeitos. O alisamento eu achei igual ao da escova gradativa, mas por matizar aconselho essa blindagem para as loiras.
E vocês, costumam fazer algo pra alisar e tirar o volume dos cabelos?
loading...
15 nov 13

Cabelos: a escova gradativa funciona?

Beleza, Produtos testados
Oi, bonitas! :) Hoje vim contar pra vocês a minha experiência com a escova gradativa. A busca por algo que diminuísse o volume e deixasse o meu cabelo mais macio veio desde que fiz a loucura de pintar o cabelo de rosa. Depois disso fui tirar a cor e acabei passando pelo primeiro corte químico da minha vida, sorte que eu não era muito apegada ao meu cabelo naquela época.
Acontece que de uns meses pra cá eu tenho curtido essa onde de cabelos longos e tentando deixar o meu crescer, mas não quero um cabelo imenso e todo quebradiço, volumoso e cheio de friz… quero algo que seja fácil de arrumar, senão não vale a pena pra mim. Mesmo com tudo isso, há pouco mais de um mês eu resolvi refazer minhas luzes (sem cabelo caindo dessa vez, yay!) e ele ficou ainda mais ressecado, volumoso e etc, daí falei com a minha cabeleireira pra fazer a selagem novamente e ela me explicou que não estava mais trabalhando com o produto que ela usava pra fazer a selagem porque, mesmo a embalagem dizendo que não, ela descobriu que o produto tinha formol.
Foi aí que ela me indicou a escova gradativa, que promete um ótimo resultado e sem usar formol. O produto que foi usado no meu cabelo é da marca WGW.
O que a marca diz:
A escova gradativa foi desenvolvida com a finalidade de alisar temporariamente e manter a cor dos cabelos pois contém agentes capazes de fixar e proteger a cor dos fios tingidos, seu principal ativo é o pró-liss que é um composto de aminoácidos, além de conter em sua fórmula a nova sensação do momento,”O óleo de ojon”o ouro do caribe.
O procedimento:
O procedimento todo demorou quase 4 horas, mas o mais demorado mesmo foi fazer a escova e depois pranchar. O produto ficou agindo no meu cabelo meia hora antes de secar.
Tem cheiro? Arde o olho?
Diferente da selagem esse produto não tem cheiro forte, eu só fui sentir o cheiro quando eu ainda não tinha lavado meu cabelo e fui pra academia, aí parece que o suor fez exalar, hehe mas não é nem um pouco incômodo comparado com o produto que eu tinha usado quando fiz a selagem. Outra coisa é que não arde o olho, nem o nariz e nem a garganta em momento nenhum (fato que me fez acreditar que o produto realmente não tem formol).
Precisa ficar sem lavar o cabelo?
No folheto do produto diz que se você quiser pode lavar o cabelo logo após o procedimento pra não ficar com o produto no cabelo ou deixar agir por 3 dias. Eu deixei só 2 porque não aguentei meu cabelo sujo.
Antes de lavar:
Depois de passar o produto, secar e pranchar o cabelo eu decidi que ia deixar os três dias pra fazer o efeito. Como o cabelo tá cheio de produto eu senti que ele ficou ‘duro’ e embaraçando fácil, como quando a gente passa muito creme pra pentear, sabe?
O cheiro do produto eu só senti quando eu suei e eu fiquei com o produto por 2 dias, porque não consigo mais ficar tanto tempo sem lavar o cabelo.
Depois de lavar:
Eu confesso que fiquei assustada na primeira lavagem, porque na hora que passei o shampoo pra tirar o produto meu cabelo aparentou estar MUITO ressecado, mas aí passei bastante condicionador (dica importante: se for fazer esse procedimento invista em um shampoo e condicionador bom pro efeito durar mais tempo), desembaracei e deixei secar naturalmente.
Fiquei apaixonada pelo resultado! Meu cabelo estava lisão, enorme (porque esticou hahaha), macio, brilhoso e com uma aparência bem mais saudável.
Foto: meu cabelo logo após a utilização da escova gradativa, escovado e chapado ainda com o produto.
Foto: meu cabelo natural (um ‘ondulado’ meio zoado, hahahah) e escovado (sem produto nenhum, antes de fazer a escova gradativa)
[tem mais fotos no decorrer do post!]
Quando lavei pela segunda vez ainda senti o cabelo ressecado, mas depois de passar o condicionador ele melhorou e ao secar também estava ótimo.
O que eu achei?
Adorei o resultado! Serviu bem para o propósito que eu queria, já quero fazer de novo e já indiquei pras minhas amigas. Quero muito ver o resultado em alguém que tenha o cabelo mais volumoso ou ondulado que o meu.
O meu cabelo não é ondulado, ele é um quase liso com volume e uma certa rebeldia, então é relativamente fácil deixá-lo liso. Quem tem o cabelo como o meu provavelmente vai adorar o resultado.
Quanto à fixação da cor, eu ainda não senti diferença e acho que nem vou sentir, porque o meu cabelo só tem luzes.

Foto: como ficou o meu cabelo depois da 1ª lavagem. Deixei secar naturalmente.
Foto: mais uma depois da 1ª lavagem. Dá pra ver como ele ficou brilhante?

 

Componentes:
Pra quem tiver curiosidade, seguem os componentes dos dois passos da escova gradativa (em inglês):
1° PASSO: ceterearyl alcohal, mineral oil, cetrimonuim chloride, glyceryl stearate, simethicone, poly quaternium-53, sodium hyaluronate,  elaeis guinnensis oil, oil, methylparaben, propylparaben, BHT, EDTA, fragrance,  water.
2°PASSO: ceterearyl alcohal, mineral oil, cetrimonuim chloride, dimethicone, keratin, oxoacetamide carbocysteine and oxoacetamide,  amino acids,  elaeis guinnensis oil , methylparaben, propylparaben, BHT, EDTA, fragrance, water.

Foto: após 11 dias e 5 lavagens
Foto: após 11 dias e 5 lavagens

Espero que esse post tenha sido esclarecedor pra vocês! Se tiverem alguma dúvida sobre a minha experiência com a escova gradativa, pergunte nos comentários.
E desculpem o post gigante, mas eu queria falar tudinho da minha experiência. Beijos!

loading...
12 mar 12

Selagem térmica capilar: Eu fiz!

Beleza
Sou dessas que se entedia rápido do cabelo. Vez ou outra me jogo nas luzes ou em algum corte diferente, nem que seja na franja. Nunca fiz nenhuma loucura, o máximo foi cortar o cabelo um pouco acima do ombro (sempre usei compridão) e fazer bastante luzes, nunca pintei.
E foi justamente a falta das luzes que me deixou entediada. Não sou de retocar com frequência, normalmente demoro uns 6 meses e dessa vez faz 8 meses que ele tá só crescendo. Como ele ja é claro, não fica feio. Fica quase californianas, hehehe
Dessa vez quis deixar ele mais da cor natural (será que dura?) – não durou! – e optei por mudar a forma dele. Ele não é ondulado nem liso, fica num meio termo e as vezes acaba armando. Pra controlar isso decidi testar a selagem térmica capilar.
O que ela promove? Recupera os fios, melhora a textura, aumenta o brilho e deixa dos cabelos hidratados. A pesar de não ser um alisamento, acaba alisando os fios porque doma o volume e o frizz.
E quem tem alergia?  Pra quem tem alergia e não pode fazer escova progressiva, a selagem é uma alternativa.
Como é o tratamento? Consiste em selar os fios através do calor, usando um produto a base de proteínas e aminoácidos.
Quanto tempo dura o feito? Em média 60 dias pra cabelos mais grossos, volumosos, quimicamente tratados, afros e cacheados e até 180 dias nos cabelos mais finos, como os lisos ou normais.
E pra fazer? Demora de uma ou duas horas.
Porque eu quis fazer: Escova definitiva e progressiva nunca foi uma opção pra mim, já que meu cabelo tem a raiz lisa. Eu achava que pro meu tipo de cabelo (que é quaaaase liso) um procedimento mais leve já bastaria. E agora eu tenho certeza disso.
O procedimento: Lavei o cabelo com shampoo e condicionador de costume, e tirei todo o excesso dos produtos. Depois a cabeleireira passou o produto (é como um creme) e deixou agir por alguns minutos.
Depois foi secar com secador e passar a chapinha, pra selar os fios. Pronto!
Depois do procedimento: Não tem essa de ter que ficar sei lá quantos dias sem lavar. Segundo a cabeleireira, depois de selar o produto nos cabelos, tá feito! Eu lavei os cabelos dois dias depois.
O cheiro: Enquanto o cabelo tá molhado é um pouco forte, e quando vai secar a franja exala (e arde o olho, tem que fechar), mas depois de seco fica melhor. Depois da primeira lavagem vai diminuindo (lavei 1x e só senti quando tava molhado).
E funciona? Bom, pro meu cabelo funcionou que foi uma beleza. Ficou hidratado, mais brilhante e liso. Dá pra sair de casa com o cabelo molhado sem medo.
Pro efeito durar mais, é aconselhado o uso de shampoo sem sal. A cada lavagem o efeito vai diminuindo. Na primeira o meu tava chapado, na quarta já está mais natural, mas sem frizz e sem armar.
No fim das contas eu amei! Pretendo fazer de novo quando “vencer” o efeito dessa.
Esse foi o resultado pro meu tipo de cabelo, quem tiver alguma opinião que complemente o post, pode colocar ali nos comentários.
>> Veja também:
loading...